Como criar um email perfeito para atrair atenção

Sophia Ellis
Mai 09, 2017

Eu acho que o maior desafio de qualquer equipe de marketing ou vendas é o discurso de um email de proposta. Quer seja para fins de relações públicas, alcançar a um novo parceiro potencial ou emitir um email em massa, o objetivo é o mesmo. Apenas duas coisas importam no final: abrir e clicar ou responder. E é isso!

Recentemente eu tentei algo totalmente diferente! Inventei a menor e mais direta fórmula de email que já usei. O resultado? Aproximadamente 70% de taxa abertura e 40% de taxa de clique.

Vou listar para vocês os quatro elementos-chave que eu acho que fazem esse estilo de email funcionar.

   1. Um assunto direto, porém, um pouco vago:

Antes eu tentava preencher o campo do assunto com muitos detalhes. Eles eram sempre um pouco longos e muitas vezes mostravam todo o motivo para ter enviado o e-mail. Sendo bem honesto, acho que isso facilitou muito para que meus destinatários apagassem o email logo em seguida. Não tinha suspense, nenhuma boa razão para seguir e abrir o email, principalmente se ele parecesse com um e-mail de vendas. Agora eu uso assuntos muitos mais personalizados, mas subjetivos e com poucos detalhes, assim não parece esses e-mails de lojas que você se arrependeu de inscrever.  Por exemplo: “Entrar em contato”, assim parece mais pessoal, relevante e interessante o suficiente para se abrir o email.

  2.   Uma introdução informal e “direta ao ponto”:

Eu costumava escrever um parágrafo inteiro no começo de todos os meus emails com um longo discurso, era uma introdução super personalizada. Isso mostrava esforço, mas no fim era simplesmente chato. Eu tenho certeza, que mesmo que o email fosse aberto, ele rapidamente era apagado quando o leitor lia umas dez frases e nada fosse intrigante. A comunicação hoje em dia é rápida, mesmo com email, o “Correio postal” da internet, você tem que se apresentar rápido para manter a atenção de alguém. Muitos profissionais recebem 88 e-mails por dia, ninguém tem tempo a perder em um ensaio bem estruturado.

Eu mudei para uma frase que oferece algo bom de imediato. Aqui vai um exemplo:

É personalizado, direto e oferece algo ao leitor na mesma hora. Poucas pessoas não continuariam lendo depois disso.

  3.  Números:

A terceira coisa que eu acho que faz um email de proposta funcionar é a comprovação. Você está tentando convencer alguém de uma ação específica, quer esteja respondendo o e-mail ou clicando no site. Não existe nada que motive mais as pessoas do que números, se você puder dar razões tangíveis do porquê eles têm que realizar essa ação, eles serão muito mais suscetíveis a fazê-lo.  Não perca tempo com promessas vagas, isso também é tirado dos elementos de vendas quando você só apresenta fatos sem emoção e deixa a decisão com eles.  Se o seu negócio é mais baseado em relações que em números, nomeie (odeio usar esse nome) uma empresa ou pessoas que te dê alguma credibilidade.

  4.  Uma “Chamada à ação” efetiva:

Uma vez que usamos esse modelo de email, recebemos três ligações de apenas quinze e-mails enviados em uma hora. Alguma coisa no nosso conteúdo tinha realmente incentivado as pessoas a pegar o telefone e ligar imediatamente. Sem uma “chamada à ação” forte, não importa como estava convencendo as pessoas, você perderá o interesse delas.  Leitores, uma vez que se interessam, tem que saber o que fazer depois. Deixe isso claro, mas também permita que eles tomem a atitude.

Aqui está um exemplo de uma frase final de “chamada à ação” que funcionou muito bem pra mim:

Digo exatamente qual é o próximo movimento e deixo por conta deles. Não é muito insistente, mas também não os deixo se perguntando o que fazer depois.   

Dependendo do seu mercado e do seu negócio claro que seus e-mails vão variar. As indústrias e os produtos não são os mesmos, mas as pessoas são pessoas e no fim do dia você está tentando conseguir a atenção e motivar alguém a trabalhar com você. Eu acho que esses quatro elementos funcionam muito bem, estes podem ser aplicados a vários tipos de e-mail e tenho certeza que você verá resultados que não esperava mesmo com mudanças tão pequenas.

Teste de graça e mude a forma como sua empresa trabalha