improve productivity

5 erros que arruínam suas possibilidades de ser produtivo

Spencer Coon
Mar 08, 2017

Descarreguei minha oitava ou nona ferramenta de “produtividade” e li o que deve ser meu milésimo artigo sobre esse mesmo tema durante essa semana. Estou convencida de que isto tem me ajudado a melhorar alguns dos meus hábitos mas, depois de algum tempo, comecei a perceber que estou mais ansiosa, sinto que tenho muito mais trabalho e que os projetos estão mais longe que nunca de estarem concluídos.   
Penso que podemos estar sendo enganados por tantos “dicas” de produtividade. Estou convencida de que existem muitas conselhos que podemos adotar mas que muitos deles são só blá blá blá. Com base na experiência das pessoas mais influentes, te deixamos os conselhos que não deveria seguir e que fazem com que nossa produtividade diminua.

1. Não tomar vantagem de seus picos de energia:

O escritor David Kadavy atribui sua alta produtividade ao entendimento dos ciclos de energia. Está cientificamente comprovado que algumas atividades são muito mais produtivas em algumas faixas horárias. De acordo com esse estudo psicológico, nos cansamos duas vezes pela tarde (16:30 y 23:30). Diferentemente, pela manhã nos cansamos a cada 90 minutos. Somos mais produtivos justo entre essas baixas de energia. Esta teoria reafirma a ideia de que é melhor organizar nossas tarefas dependendo de como nos sentimos e descansar nas baixas para aproveitar os picos de produtividade.

Como: Durante suas horas de mais cansaço , tente fazer tarefas pouco específicas e descansar entre elas. Em suas horas mais produtivas, planeje tarefas que requerem mais concentração. Não tente manter um alto nível de energia durante todo o dia e para não correr o risco de “apagar” durante o fim de semana.

2. Achar que pode trabalhar em várias tarefas de ao mesmo tempo.

Quando finalmente tiver terminado de escrever uma lista de coisas a fazer, é fácil ver as pequenas tarefas e dizer, não se preocupe, posso fazer A quando acabe B. Mas (voltando a ciência), não é assim que funciona nosso cérebro. Não importa se a distração é grande ou pequena, trabalhar em multitarefas e ter que gastar sua energia em mais de uma tarefa fará com que demore mais tempo em terminar a tarefa e, ainda, faça pior. Pense em mandar uma mensagem pelo celular e dirigir. Demonstrou-se que desviar uma parte de sua atenção para escrever algumas palavras tem o mesmo efeito que o álcool em sua habilidade para conduzir. Tão simples como poderia parecer ao princípio, nossos cérebros não estão desenhados para a multitarefa. Pode chegar a diminuir sua produtividade em 40%.

inc.com

3. Notificações:

Não é sempre possível estar “por dentro”. Para manter sua produtividade tente não ter as notificações ativadas. Na teoria, saber o que se passa a cada minuto sem necessidade de perguntar a sua empresa ou equipe parece ótimo mas na realidade produz uma diminuição enorme da produtividade. Cada vez que recebe uma notificação, você se desconcentra, deste modo, será impossível conseguir um estado de concentração total enquanto trabalha nas suas tarefas. Um estudo diz que, na média, a cada empregado lhe custa 25 minutos retomar sua tarefa original depois de receber uma notificação. Bloqueando as notificações e planejando os momentos em que fará uma pausa e se permitirá ler todos os chats, notícias… lhe será mais fácil voltar a suas tarefas depois desta pequena pausa.

4. Email em geral:

O email em geral é uma das ferramentas mais comuns em nosso dia-a-dia. Não posso olhar ao redor do café de onde estou escrevendo sem ver ao menos a metade dos clientes vendo seus emails. É quase obsessivo e afeta a nossa produtividade. Uma pesquisa recente diz que, em média, cada colaborador para 6.3 horas vendo ou respondendo seu email. Isso é pior do que imaginamos. É quase um salário inteiro gasto no email e não em resolver problemas ou pensar em novas ideias. Com razão há uma “conspiração” no mundo da tecnologia para acabar com o email. Por sorte, existem novas opções que você pode implantar no trabalho como as plataformas de chat em grupo, ou de forma mais pessoal, pode instalar uma ferramenta como SaneBox que te ajuda a manter seu email para que assim você possa concentrar-se em coisas realmente importantes.

5. Acreditar em ferramentas mais que em sistemas:

Quantas mais ferramentas de produtividade provo menos produtiva fico. Me dei conta (como tantos outros) que não há uma nova ferramenta que será a solução definitiva para que eu seja mais produtiva. Encher seu computador ou celular com dezenas de apps não te ajudará se você não estabelece um sistema pessoal que funcione. A única forma de mudar sua produtividade é encontrar um sistema que se encaixe perfeitamente em seu planejamento e que lhe atenda. Pode ser que receber 25 notificações de um app não funcione para você, pode ser que o que mais te sirva seja escrever coisas em um caderno. Sem importar se é a técnica Pomodoro ou a de “ não quebrar a corrente”, ela tem que te motivar. Uma vez que tenha seu sistema, pode provar agregar as ferramentas que mais te ajudem. Você pode ler mais sobre sistemas para aumentar a produtividade aqui.

-The Hibox Team

Teste de graça e mude a forma como sua empresa trabalha